quarta-feira, 4 de maio de 2011

Desconheço


Quando o vento sopra para onde quer, eu oiço a sua voz, mas não sei de onde vem, nem para onde vai...

Sem comentários: