sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

SIlêncio


"O eterno é esta lentidão, esta ascensão sem armas.
Os meus olhos estão vazios, os meus lábios tranquilos.
Na mágica anulação o desejo é só silêncio."

(António Ramos Rosa, in o Nao e o Sim 1990)

Sem comentários: